Post Top Ad

O real significado da palavra "crush"

Eu realmente tentei simplesmente chegar em casa e ir dormir. Relaxar e deixar esse tema de lado. Sei lá.
Eu deveria estar escrevendo a review de Homem Aranha: de volta ao lar, mas quem disse que eu controlo meu cérebro ou o que irei escrever?



Então lá vamos nós.

Eu sempre acreditei que crush significava algo +- como um interesse em alguém/gostar de alguém/paixonite por alguém, etc, etc, etc.

E não deixa de ser tudo isso, mas também pode ser que não seja nada disso.

O termo crush é igual catapora. Não adianta você ler sobre os sintomas, você só realmente visualiza o que é, depois que você percebe que tem.

E agora eu acho que estou preparada para descrever o que é isso, já que tive um insight e me identifiquei com os sintomas, se é que vocês me entendem.

Ter um "crush", não significa que você tem sentimentos amorosos por alguém. Não, você não está apaixonada(o). Na verdade, você, de alguma forma se sente excepcionalmente atraído por alguém.

Ora Bruna, isso pode acontecer com tantas pessoas que conhecemos ao mesmo tempo. Isso significa que uma pessoa bonita que eu admirei na rua é meu "crush"?

Não exatamente, Seguilover. Sabe por que? Na minha teoria particular, o que diferencia uma pessoa que lhe chamou atenção, do seu "crush", é que o crush é irresistível pra você. Sabe quando você involuntariamente orbita em volta de alguém? Como se houvesse uma energia magnética, uma mão invisível que te leva até ela?

É diferente de você ver um rostinho bonito e julgar atraente, assim como é diferente de você se sentir apaixonado, de sentir o coração acelerar ao olhar para a pessoa amada, etc, etc, etc.

ter um "crush" por alguém é a ponte no meio do caminho entre os dois, sim, mas é mais que isso. Vai além disso. Porque não é algo que vai rolar com toda pessoa atraente que você conhecer melhor. É algo que ocorre ao acaso, quase de forma mágica. Pareço maluca falando assim? Talvez. Mas dividir com vocês minha teoria não fará mal algum.

Então, meus caros, ter um "crush, é sentir-se fisicamente e estranhamente atraído por alguém, de tal forma, que aquela pessoa se torna meio que avassaladoramente irresistível, sexy e seu interesse por ela, obviamente é inevitável.  É quase como receber a lendária flecha do cupido, mas sem a parte da paixão maluca. Está mais para um magnetismo. Aí eu te pergunto, será que nossas polaridades nos afetam?

Segundo a física, cargas de polaridades opostas se atraem. Será que apenas opostas? Será que isso rola com corpos? Fica aí o questionamento para quem quiser pesquisar mais a fundo e me contar.

Até minha próxima divagação!

Beijos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Instagram @blogbrunaconstantino